O que é um arquivo de remessa?

É um arquivo enviado pelo emitente do boleto para o banco contendo informações que são interpretadas pelo sistema do banco.

Algumas das informações que podem ser enviadas à partir de um arquivo de remessa:

  • Registrar ou dar baixa em cobranças (boletos ou débito automático)

  • Pagar títulos, impostos ou folha de pagamento

O arquivo remessa é utilizado na cobrança do tipo registrada.

Cobrança “registrada” 

Os boletos de cobrança registrada são gerados pelo cedente e as informações do documento (sacado, valor e data de vencimento) são enviadas para o banco através de um arquivo de remessa. Estes dados são gerenciados pela instituição financeira que pode realizar serviços como o protesto de títulos quando inadimplentes. Neste caso, a taxa do boleto é cobrada do cedente pelo banco no momento da geração do boleto.

O que é CNAB 400? O que é CNAB 240?

Os bancos utilizam o padrão Febraban CNAB 400 ou CNAB 240, alguns utilizam os dois formatos para receber (remessa).

CNAB 400: É um arquivo que possui uma quantidade menor de informações a serem utilizadas e estão limitadas em 400 posições para cada registro.

CNAB 240: Possui uma quantidade muito maior de informações, pois cada título as informações são segmentadas em 4 segmentos de 240 posições para cada um dos títulos dentro do mesmo arquivo.

Lista dos formatos dos bancos que o TagPlus gera:

  • Banco do Brasil: 240

  • Bradesco: 400

  • Caixa: 400

  • HSBC: 400

  • Itau: 400

  • Santander:  240

  • Sicoob: 240

  • Sicred: 240 e 400

Como exportar/gerar o arquivo de remessa?

Encontrou sua resposta?